Entrevista Ping-Pong: Professora Silvana Nunes Da Silva

Autor(a):

Prof.ª Silvana Nunes Da Silva

A Prof.ª Silvana formou-se enfermeira na Universidade Ibirapuera, na turma de 2012. Ela, que também é especialista em Saúde Mental e mestre em Bioodontologia, tornou-se professora aqui em 2013 e coordena o curso de Enfermagem desde 2016.

Quais atividades você desenvolve dentro da UNIB? E fora da instituição?

Além de coordenadora do curso, sou professora das disciplinas de Saúde Mental, Gerenciamento em Enfermagem e Metodologia da Assistência. Fora da UNIB faço trabalhos voluntários com dependentes químicos.

Qual foi sua maior influência no âmbito profissional e no âmbito pessoal?

Trabalhei como cuidadora e vi a necessidade das pessoas em ter um atendimento humanizado, que não foque somente na doença, mas, sim, nas necessidades biopsicossociais. No âmbito pessoal a família foi a minha influência, queria entender as doenças comuns da infância e da terceira idade para ajudar a cuidar melhor.

Você almeja alcançar mais objetivos em sua carreira profissional?

Estou feliz com a minha carreira, mas ainda tenho muito o que aprender. Quero fazer uma especialização em Libras, Acupuntura, e pretendo fazer Doutorado.

Alguma situação marcou você dentro da UNIB? E na Enfermagem?

Na UNIB várias situações me marcaram, todas de forma positiva, nunca houve uma situação que me desagradou ou desestimulou. Na enfermagem, a situação que me marcou foi verificar o quanto há profissionais despreparados emocionalmente para um atendimento de qualidade, e preservando a dignidade do paciente. Sei que essa situação está melhorando e logo conseguiremos uma ótima qualidade na assistência em todos os locais.

Para você qual é a importância da profissão em nosso país?

O Enfermeiro é de suma importância na equipe de saúde, pois é ele que permanece a maior parte do tempo junto ao paciente e seus familiares. Além disso, o Enfermeiro atua na promoção, prevenção, tratamento e reabilitação de toda população.

Quais são os principais diferenciais do curso?

Discentes fazem palestras e atendimentos nas escolas públicas, empresas, associações de bairro e aulas práticas a partir do terceiro semestre. O estágio supervisionado é realizado em hospital geral, clínicas, maternidade, casas de repouso, Unidade Básica de Saúde (UBS), hospital infantil, SAMU, abrigos e albergues. Em cada local é uma experiência diferente e ele saberá atuar em qualquer situação.

O que foi realizado com relação ao Novembro Azul pelos alunos? Qual a importância da campanha?

Os alunos criaram folders com informações sobre a doença: exames diagnósticos, tratamento e prevenção e uma gincana com perguntas e respostas, o ganhador da gincana recebeu uma cesta de guloseimas como prêmio. A campanha é a melhor estratégia para conscientizar a população sobre a necessidade de realizar exames de prevenção, enfatizando as orientações, esclarecendo dúvidas e desmistificando conceitos em relação a doença.

O que a população precisa sobre o câncer de próstata?

É preciso explicar que o primeiro exame que se faz é o de sangue (PSA) e depois o ultrassom, somente se houver alterações nesses exames é que é realizado o toque retal, que é a causa da maioria dos homens não procurarem o serviço de saúde. O câncer de próstata tem cura, e é necessário identificar o quanto antes, por isso a prevenção é tão importante.

E sobre você. Como você se descreveria como criança? E agora?

Eu era uma criança que brincava com outras crianças na rua, tinha animais de estimação, estudava em escola pública, foi uma infância comum da época e eu era muito feliz. Hoje, eu sou o que sempre quis ser: adoro a minha profissão, sou mãe de duas meninas, faço o melhor que posso para ver as pessoas bem em todos os sentidos, sejam da minha família ou não.

 Já aconteceu algo em sua vida que deixou você mais forte?

Sim, o falecimento do meu pai e da minha mãe no mesmo ano. Isso me fez refletir muito sobre a vida, o amor, a convivência.

Diga uma frase favorita, um filme e um livro.

Frase: “O que não causa minha morte, me deixa mais forte.”

Filme: Só gosto de documentários.

Livro: “Uma Prova do Céu, de Eben Alexander Lii.

Quais são seus planos para o futuro?

Viver um dia de cada vez, intensamente.

#insta
#facebook
Copyright © Todos os Direitos Reservados - Universidade Ibirapuera