Educação, Subjetividade e Psicanálise

Educação, Subjetividade e Psicanálise

Líder(es) do grupo:

Douglas Emiliano Batista

Katia Cristina Silva Forli Bautheney

Área predominante:

Ciências Humanas; Educação

Objetivo:

O Grupo de Pesquisa em Educação e Psicanálise pertence ao Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Ibirapuera e tem como objetivo principal a formação científica de alto nível de docentes, pesquisadores e profissionais no campo educacional, visando contribuir com a produção e divulgação de conhecimentos e o desenvolvimento científico-cultural, no âmbito local, regional e nacional, e com o exercício qualificado de atividades na área educacional, tendo como foco a constituição subjetiva de crianças e adolescentes, a escolarização e a formação de profissionais da educação, a partir do eixo Psicanálise e Educação.

Linhas de Pesquisa:

Formação de Professores, Educação Inclusiva e Subjetividade: Investigar o campo da formação de professores e as práticas docentes buscando uma interpelação crítica dos modelos vigentes que excluem o papel da subjetividade nos processos de ensino e aprendizagem. Levar em consideração a heterogeneidade dos alunos, em uma perspectiva de escola inclusiva, impõe novos desafios aos professores e, portanto, o processo formativo deverá ser estudado para além do domínio teórico-conceitual.

Subjetividade, educação escolar e políticas educacionais: Investigar as condições de possibilidade da educação e gestão na escola moderna e contemporânea, a partir do aporte teórico da psicanálise e de fundamentos filosóficos e históricos da educação e da pedagogia. Recorre ao conceito de relação subjetiva com o saber por parte de professores e de alunos e ao de transmissão de conhecimentos públicos. Interpela os discursos político-pedagógicos na cultura contemporânea e sua instrumentalização dessubjetivante.

Contato:

douglas.batista@ibirapuera.edu.br

Link:

dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/7458637914101732