Saiba como lidar com a pressão e a competitividade no mundo do trabalho!

Autor(a):

É importante que o ambiente de trabalho seja um local harmonioso, amigável e que gere qualidade de vida aos profissionais. Existem quatro critérios principais que tornam o ambiente ideal. São eles:

Comunicação fluida 

O diálogo entre todos da equipe é fundamental para seu bom desempenho. Para que haja fluidez e eficácia na comunicação é importante a checagem e transparência das informações, bem como um feedback a respeito da atuação e desempenho de todas as pessoas da empresa.

Respeito

Em uma empresa existem vários tipos de pessoas com comportamentos, personalidades, gêneros e etnias diferentes. Respeitar essas diferenças é garantia de bom relacionamento e sucesso. Um ambiente que alimente fofocas e maledicências leva às pessoas ao descompromisso com o trabalho prejudicando o seu rendimento profissional. 

Ter um ótimo líder

O bom líder não se deixa levar pela adulação que possa, por ventura, acontecer no seu ambiente de trabalho, avalia diferentes posições, não se deixando levar pelo lado pessoal. Mostra resultados, pontualidade, é presente, esclarece dúvidas, é compromissado com as regras e as metas da empresa, tem bom relacionamento com seus subordinados e superiores. É um exemplo que inspira a todos.

Manter o equilíbrio entre a vida profissional e pessoal

Em muitas empresas a rotina é muito puxada e devido a isso os funcionários acabam fazendo muitas horas extras, ficando sem tempo para sua vida pessoal e família. Neste contexto, escolha uma boa empresa para trabalhar, uma que que coloque, entre seus objetivos, o bem estar de seu funcionário e que, propicie equilíbrio e clareza entre as metas da empresa e a vida pessoal dos colaboradores.

Leia em nosso blog alguns aspectos relacionados aos critérios acima:

https://www.ibirapuera.br/voce-sabe-o-que-e-o-mundo-corporativo/

https://www.ibirapuera.br/saiba-como-ter-uma-boa-convivencia-e-manter-o-ambiente-de-trabalho-tranquilo/

https://www.ibirapuera.br/conheca-as-pos-na-area-de-gestao-a-ibirapuera-tem-varias-opcoes-para-voce/

https://www.ibirapuera.br/dicas-para-manter-o-foco-no-ambiente-de-trabalho/

Nos ambientes empresariais é comum surgirem aspectos como a pressão e a competitividade. São pontos que lançam desafios a serem enfrentados e superados.

Quando você atuar no mercado de trabalho, provavelmente, irá se deparar com a cobrança para se alcançar as metas da empresa, apresentar bons resultados, contribuir com soluções e idealização para maior produtividade, sugerir criação de produtos, alavancar campanhas de marketing etc.E aí vem a pergunta: “Como é possível superar a pressão que todos esses aspectos podem apresentar?” “Como lidar com essa pressão no trabalho?”

As pessoas se acostumam a trabalhar sob pressão, mas isto pode não acontecer se a estrutura de trabalho for bem delineada. Por exemplo: as pessoas se sentem pressionadas porque não há planejamento das tarefas a serem executadas. Se há, não se define corretamente um cronograma, ou em quanto tempo uma tarefa deve ser feita. Também ocorre a falta de registro das atividades, facilitando o desencontro de informações. 

Outro fato que contribui para que ocorra a pressão no trabalho é quando a empresa não define corretamente o escopo de cada função, ou seja, o que cada função, dentro de um respectivo cargo, deve desenvolver e apresentar. Isso gera acúmulo de funções, cobrança indevida por parte dos superiores e consequentemente excesso de cobrança.  

Veja como sua atuação será importante quando você se inserir no mercado de trabalho! Se estiver pensando em fazer uma graduação na área de Administração ou Gestão, por exemplo, irá planejar e organizar o trabalho de maneira que possa garantir o bem estar de seus colegas, evitando a tão indesejada pressão no trabalho.

Questões como problemas de relacionamento na equipe podem contar com a ajuda de psicólogos da empresa, da gestão do RH, Esses profissionais auxiliam com o planejamento pensando estratégias que geram o bom desempenho das equipes.

Com um planejamento bem feito, muito da pressão sofrida dentro das empresas pode ser atenuada e você terá tempo para mediar sua vida pessoal com os interesses de sua vida profissional. 

Mesmo assim, valem mais algumas dicas, pois mesmo que uma empresa apresente um bom planejamento para evitar a pressão, isto depende da sua atuação dentro dela, o que, às vezes, pode estar comprometido. 

Veja algumas dicas que te ajudarão a lidar com a pressão?

  • Perceba de onde vem a pressão. aprenda a identificar seus gatilhos, pois só sabendo a origem do problema é que você vai conseguir solucioná-lo. Então, faça uma análise de tudo o que está acontecendo e  te pressionando. Não se esqueça de olhar, além de sua vida profissional, também na pessoal.
  • Aprenda a administrar bem seu tempo. Organizando seu tempo você terá maior controle sobre suas tarefas e consequentemente lidará melhor com o tempo das atividades a serem executadas. Para isso, tenha uma  agenda e liste todos os compromissos do dia.
  • Estabeleça prioridades. Quando você listar todas as suas atividades em sua agenda, anote-as por ordem de importância e urgência. Isso fará com que você se sinta menos pressionado, pois estará tudo sob controle.
  • Cuide de sua saúde. Nunca deixe de se alimentar e descansar corretamente, pois trabalhar sem os cuidados básicos é prejudicial a nossa mente e corpo. Não permita que as “dores passem em branco”. pois qualquer coisa anormal no seu organismo fará com que não consiga se concentrar no trabalho.
  • Entenda quando é a hora certa de parar. Parece esperto e eficiente aceitar a todos os pedidos de colegas e chefias, porém aprenda a dizer não educadamente, levando em consideração o escopo de sua função e tarefas,pois poderá ficar sobrecarregado e não fazer nada direito.

Agora que já falamos um pouco sobre a pressão no trabalho, que tal falarmos sobre competitividade? 

Muitas pessoas acham que ser competitivo ou trabalhar em um local competitivo é ruim. Mas será que é isto mesmo?

Você sabia…

…que é saudável a  competitividade quando ela leva à superação dos próprios limites, motivando a todos de uma equipe a contribuir com o trabalho? Porém, se ela estiver afetando o desempenho e a convivência dos funcionários, é porque está na hora de parar?

A competitividade é essencial para ajudar no crescimento profissional, fazendo com que o funcionário se torne mais dedicado, atento, afiado e de olho nas boas oportunidades. Além disso, beneficia a própria empresa, pois motiva os profissionais a serem desafiados a novos cargos e salários e desempenhar funções que se identificam, aumentando assim a produtividade.

Mas então até que ponto a competitividade é saudável?

Se, por um momento, a competitividade passa a ser desleal, ela começa a virar um problema. Porque ao invés dela estar se tornando um desafio, acaba gerando discussões, conflitos, exposição das falhas dos colegas, aumento do individualismo, plágio do trabalho de outro colega, ausência de comunicação ou falhas de comunicação, entre outras coisas.

Quem tem a responsabilidade de perceber que a competição não está mais sendo saudável são os líderes. Eles devem fazer reuniões com os subordinados e mostrar o que está ocorrendo, o que está sendo prejudicial, lembrando aos colaboradores os valores da empresa.

Conheça as vantagens e desvantagens da competitividade:

 VANTAGENS

 

  • maior motivação;
  • crescimento da criatividade e inovação;
  • tirar o funcionário da zona de conforto.

 

DESVANTAGENS

  • intrigas;
  • perda da ética profissional;
  • falta ou perda do trabalho em equipe.

Você sabe o que uma empresa deve fazer para ter um ambiente competitivo saudável? Confira algumas dicas:

 

  • contrate profissionais com perfil adequado;
  • não promova desigualdade;
  • sempre comente e avalie os resultados com seu funcionário; 
  • Evite conflitos desnecessários.

 

Como vimos, exercer a competitividade até certo ponto pode ser saudável. Confira mais algumas dicas que podem te ajudar a ser competitivo sem afetar a empresa e seus colegas de trabalho.

  • entenda qual a sua motivação;
  • tenha um objetivo a ser alcançado que não prejudique os seus colegas;
  • coloque-se no lugar do outro, tenha empatia;
  • não fique espalhando um erro de seu colega de trabalho;
  • tenha confiança em si mesmo;
  • seja paciente.

Esperamos que todas essas dicas te ajudem ao longo de sua carreira  a aprender como identificar e lidar com a pressão e a competitividade!

Aproveite e confira em nosso site cursos que te levaram para esse mundo empresarial.

 

#insta
This error message is only visible to WordPress admins
Error: No posts found.
#facebook